Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Creme de cogumelos

por Paula, em 27.04.15

IMG_9758.JPG

Há um filme de que gosto bastante em que o protagonista da história é um jovem negro que tem um especial talento para a escrita e, em rigor, para os estudos e para o desporto. Todavia, adopta um comportamento que não o destaca dos demais. A verdade é que ele trabalha para não se distanciar dos seus amigos mantendo um low profile nos estudos.

 

Mas chega o dia em que Jamal Wallace tem que decidir o seu destino e tem que mostrar aquilo que vale. Nos exames finais, o seu espírito inteligente conhece a luz. Para espanto da mãe e do irmão mais velho, o jovem é convidado para ser aluno num colégio privado de alto gabarito. A decisão não é fácil: estudar e ajudar a mãe que sempre lutou sozinha para lhe dar uma vida digna ou ficar e manter-se fiel aos seus amigos e ao estilo de vida confinado a pequenas esperanças?

 

É neste conturbado momento que Jamal se cruza com um velho rezingão que há vinte anos se recusa a sair de casa. Este homem maduro e (não menos) experiente, vai levar o jovem talento numa interessante viagem em busca da sua própria escrita. O súbito mentor é, na verdade, um escritor galardoado pelo seu único trabalho dado à estampa. 

 

Numa ocasião em que ambos estão em casa de William Forrester, Jamal fica espantado por ver o amigo utilizar leite para engrossar a sopa. Da sua voz parece surgir uma critica à própria mãe por esta não usar o mesmo método nas sopas que confecciona. Então, Forrester lembra-o de que ela trabalha bastante mas que isso não chega para colocar na mesa todos os ingredientes (de luxo!) que ela gostaria de ter. Uma lição entre muitas e uma pergunta que ficaria para sempre como um código secreto entre ambos. A soup question não é fácil.

IMG_9760.JPG

 

INGREDIENTES

500 g de cogumelos sortidos

(utilizei uma embalagem de sortido de cogumelos congelados do Continente)

10 espargos frescos

1 cebola, picada

7 dl de caldo vegetal (ou água)

1,5 dl de natas

10 g de manteiga

Um fio de azeite

Sal e pimenta a gosto

 

PREPARAÇÃO

Arranjar os espargos, retirando a parte mais fibrosa e retirando a pele com a ajuda de descascador. Num tacho colocar água suficiente para cozer os espargos a vapor durante cerca de 10 minutos, dispondo-os em acessório adequado por cima do referido tacho.

 

Numa panela, colocar o azeite e a cebola e deixar que esta aloure. De seguida, juntar os cogumelos já escorridos, envolver e deixar que libertem os seus sucos.

 

Acrescentar o caldo (ou a água) e deixar cozer durante aproximadamente 30 minutos em lume brando. Tirar do lume e reduzir a creme com a ajuda da varinha mágica.

 

Finalmente, juntar as natas e temperar com sal, pimenta e acrescentar a manteiga. Mexer para que tudo se envolva e se funda num creme exótico e saboroso.

 

Servir quente e finalizar com os espargos partidos em pedaços.

 

IMG_9757.JPG

 Bom apetite!

Que bos faga bun purbeito!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Cestos de ovo

por Paula, em 31.01.15

Paris.jpg

Croque-madame é uma variação da croque-monsieur. Esta é uma sandes feita com pão, presunto e queijo, grelhada numa frigideira ou no forno. Pensa-se que terá aparecido em 1910 num bistrot parisiense. Já a croque-madame é uma versão daquela sandes que leva um ovo por cima.

_MG_8603.JPG

Inspirada por Rachel Khoo, a apresentadora do belíssimo programa My Little French Kitchen, que passa no canal 24Kitchen, que fez uma versão muito original e esteticamente muito apelativa da croque-madame, decidi fazer uns cestos de ovo. Não posso chamá-los de “croque-madame à moda de Rachel Khoo” porque utilizei sobras de frango assado no forno. Todavia, o espírito é o mesmo. J’adore!

_MG_8606.JPG

 

INGREDIENTES (para 6 unidades)

6 fatias de pão integral, sem côdea (estilo Bimbo)

100 g de manteiga, derretida ou líquida

6 ovos

100 ml de natas frescas

Sobras de frango q.b. (ou outra carne), desfiadas

Sal e pimenta a gosto

Cebolinho fresco ou poejo q.b.

 

PREAPARAÇÃO

Aquecer o forno a 180.ºC.

 

Com a ajuda de um rolo de massa, espalme as fatias de pão até ficarem bem finas. De seguida, pincelar com manteiga de ambos os lados. Colocar cada uma das fatias em formas anti-aderentes para queques, de modo a formar um pequeno cesto.

 

Cobrir o fundo do cesto com o frango. Adicionar 1 colher de sopa de natas e cobrir com o ovo. Temperar com um pouco de sal e pimenta e finalizar com cebolinho ou poejo fresco.

 

Levar ao forno durante cerca de 15 minutos ou até o ovo apresentar a consistência desejada.

_MG_8610.JPG

Estes cestos são versáteis. Tanto se podem comer ao pequeno-almoço como ao lanche ou numa das principais refeições, acompanhados com uma salada ou legumes salteados.

_MG_8597.JPG

Bom apetite!

Que bos faga bun purbeito!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mousse de castanha

por Paula, em 26.01.15

IMG_5400.JPG

Há quem goste delas assadas, bem quentinhas, quando os primeiros frios de Outono despertam. As castanhas estão indissociavelmente ligadas com o cair da folha. Sabe bem ouvir o crepitar de dentro de um velho carrinho de metal e sentir o perfume que invade um recanto qualquer de Lisboa ou de outra cidade do nosso coração.

IMG_5452.JPG

Depois, existem os gulosos - como eu! - que apreciam um doce a qualquer momento. E se for uma mousse com sabor a chocolate e castanha, temos o céu servido num pequeno copo.

IMG_5453.JPG

 

INGREDIENTES

90 g de manteiga

225 g de puré de castanhas*(castanhas, água, sal, erva-doce e um pouco de manteiga)

2 ovos

50 g de açúcar (mais um pouco para juntar às natas)

25 g de cacau s/ açúcar

25 g de amêndoas raladas

1 ½ colher de sopa de licor de castanha (ou 1 c. de chá de extracto de baunilha)

1 dl de natas

Amêndoas laminadas, q.b.

50 g de chocolate granulado

 

PREPARAÇÃO

Começar por fazer o puré de castanha. Dar um golpe em cerca de 400 / 500 g de castanhas e levar ao lume com água temperada com sal e erva-doce. Depois de cozidas, retirar a casca e a pele e passar pelo passe-vite. Depois, levar novamente ao lume com uma pequena noz de manteiga e envolver bem.

 

Derreter a manteiga e deixar arrefecer. De seguida, juntar as gemas dos ovos, o açúcar, o cacau, as amêndoas raladas e o licor (ou o extracto de baunilha).

 

Bater as claras em castelo e adicionar ao puré de castanha, começando por juntar apenas uma colher e envolver, para tornar a mistura mais leve, e só depois juntar gradualmente as restantes claras.

 

Bater as natas com um pouco de açúcar.

 

Deitar a mousse em pequenas taças e decorar com natas batidas, chocolate granulado e as amêndoas laminadas.

 

IMG_5442.JPG

 

Bom apetite!

Que bos faga bun purbeito!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D