Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




 

As cenouras têm  aquela cor que eu associo à felicidade - um laranja quente e alegre, a lembrar o sol em dias amenos.  Mas, se a cor é apelativa, as suas propriedades são-no ainda mais. Rica em cálcio, magnésio, potássio, fósforo e betacaroteno, as cenouras são um alimento deveras desintoxicante, sendo excelentes para a saúde do fígado e do aparelho digestivo, auxiliam a função renal e destroem bactérias e vírus*. Creio que são razões bastante sólidas para que façam parte da nossa alimentação.

 

A receita de hoje, teve como inspiração as cenouras algarvias e as cebolas em conserva de vinagre balsâmico que moram na minha despensa há muito tempo. Como não me surgia uma ideia de como as ultilizar, foram ficando. Contudo, esta semana, enquanto pensava num acompanhamento para um prato de bacalhau no forno, ocorreu-me esta associação: o doce da cenoura haveria de ligar bem com a acidez da vinagre balsâmico e, melhor ainda, com as cebolas pérola. A juntar-se-lhes, lá veio também o mel.

 

 

IGREDIENTES:

4 cenouras médias cortadas em rodelas grossas

1 dente de alho picado

2 c. de sopa de azeite

1 c. de sopa de endro seco

1 c. de sopa de majerona seca

2 c. de sopa de mel

1 c. de sopa de sementes de mostarda

6 cebolas pérola em conserva de vinagre balsâmico (usei a marca Scala)

1 c. de chá de vinagre balsâmico

1 malagueta fresca pequena picada (sem sementes)

Sal q.b.

 

PREPARAÇÃO:

  1. Cozer as cenouras em água temperada com sal.
  2. Escorrer e reservar.
  3. Numa sertã, colocar o azeite e o alho e deixar alourar um pouco.
  4. Juntar, em seguida, as cenouras e saltear durante 1 ou dois minutos.
  5. Adicionar as cebolas, aproveitando 2 a 3 c. de chá da conserva, e o vinagre balsâmico.
  6. Finalizar, temperando com o mel, as ervas aromáticas, a malagueta e as sementes e deixar apurar.

 

Estas cenouras ficam deliciosas. Sobressai o sabor picante da malagueta que, para quem não aprecia, poderá ser subtraído. O doce da cenoura e do mel conjuga muito bem com a acidez do vinagre. As cebolas em vinagre balsâmico são muito agradáveis e, neste caso, fizeram um casamento feliz com as cenouras.

 

 

*Informação retirada do livro "O Nutricionista - Alimentos que cuidam do espírito e do corpo", de Vicki Edgson & Ian Marber, da Paralelo Editora - um livro que recomendo vivamente.

 

 

Bom apetite!

Bon appétit!

Jó étvágyat!

Que bos faga bun porbeito!

 

{#emotions_dlg.beja}

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D