Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





A Feira das Galinheiras

por Paula, em 16.09.12

 

Feira das Galinheiras

 

Hoje é domingo. É dia de feira nas Galinheiras. Antigamente, muitas manhãs de domingo eram destinadas para ir à feira comprar legumes. Hoje não recorro tanto a ela, mas, uma ou outra vez, gosto de passar por lá. O apelo da feira é algo que só quem as visita percebe. Passeia-se ao ar livre descontraídamente e num pequeno espaço encontra-se uma panóplia  de artigos e de preços.

 

Mas o que realmente me faz ir à feira, num domingo de manhã, é a bancada das bifanas e os produtos hortícolas frescos. Atrevo-me a dizer que a melhor bifana é feita pela equipa do Claudino dos Couratos, ali mesmo na Feira das Galinheiras. Recordo ainda a primeira bancada de madeira e o fogão improvisado que o casal utilizava. Hoje, as várias sacas cheias de pão já cortado continuam a existir, mas o resto foi alterado atendendo às novas regras impostas para estes lugares. De cada vez que lá passo, fico admirada com a forma como aquela senhora mantém a fluidez da saída dos pedidos sem descurar a qualidade da confeção das bifanas ou dos couratos. São excelentes. É difícil comer apenas uma.

 

Claudino dos Couratos - Feira das GalinheirasClaudino dos Couratos - Feira das GalinheirasClaudino dos Couratos - Feira das Galinheiras

 

Aquela é a rua que visito sempre, pois, uns metros mais à frente da referida roulote, existe uma bancada que só tem legumes e frutos da época. Isso agrada-me. Os legumes não têm tamanhos exagerados e exalam um aroma próprio e fresco. Se se quiser um queijo especial ou artigos de fumeiro, aquele corredor é o ideal também.

 

 

O bacalhau, que não sendo nosso é o mais português dos peixes, também marca presença na melhor rua da feira.  E o mesmo poderei dizer do pão, cuja bancada se situa logo à entrada como que a saudar quem chega. Ali se compra pão, com grande qualidade, que se faz de norte a sul do País. O sorriso e a gentileza dos que estão por detrás desta bancada deixam-me com vontade de regressar no domingo seguinte. Deixo a compra do pão sempre para o fim porque me deixa bem disposta e feliz.

   

 

A melhor hora para ir a esta feira é de manhã bem cedo, se se quiser escolher os produtos mais frescos, ou junto à hora do almoço, altura em que os feirantes fazem "promoções" excelentes, reduzindo os preços para escoar o produto que não vendem. Na minha última visita, trouxe dois molhos de espinafres pelo preço de um e, ainda assim, mais barato do que um molho comprado nas grandes superfícies.

 

Em tempos a feira esteve mais apagada. O pulsar dos feirantes e dos clientes não era o mesmo. Agora, parece querer renascer.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De mariajoaosousanorte a 02.09.2013 às 21:06

por uma amiga tive conhecimento deste blog quando me disse que falava das minhas sandes fiquei coriosa e fui consultar ,como nao podia deixar de ser ,fiquei estremamente feliz quem trabalhando com dedicaçao e amor nao gosta de ver o seu trabalho reconhecido principalmente por aqueles que sao mais importantes "os clientes"? desta forma quero agradecer a amabilidade destas palavras e continuar a fazer o meu melhor para satisfazer todos aqueles que ao longo destes 30 anos me tem ajudado . Obigado claudino e maria joao.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D