Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




 

Desde que vi a Nigella Lawson no programa da SIC Mulher a preparar um bolo em camadas (trifle) que o desejava fazer. Não só pelo bom aspecto que tem mas também porque vi ali a possibilidade de aproveitar as sobras de bolos. A Nigella utilizou um pão-de-ló comprado mas eu prefiro fazê-lo em casa porque os bolos feitos por nós têm seguramente outro sabor - o do nosso empenho e carinho!

 

A oportunidade surgiu num almoço de família. O pão-de-ló de Coimbra que costumo fazer chegou e sobrou. Era o momento para dar largas à imaginação.

 

A dificuldade surgiu apenas no momento de escolher o fruto que complementaria o bolo. Mas logo foi ultrapassada. Uns dias antes, em conversa com a tia Maria dos Anjos sobre doces e o modo de os fazer, ficou a promessa de me enviar um doce feito por si. A promessa foi cumprida e para minha felicidade este tinha a textura e a cor ideal para este trifle. Assim, nasceu na minha mente um quadro de cores e texturas perfeito. E foi com entusiasmo que iniciei a composição desta sobremesa que ficou muito bem. O doce conferiu-lhe o sabor e a textura necessárias para um bom resultado porquanto as frutas estavam em pedaços e não desfeitas.

 

Devo confessar que não segui exactamente a receita da Nigella. Adaptei-a ao que tinha em casa. Ficou a ideia do trifle mas com um toque tugita e muito meu. E resulta. Não há nada melhor do que buscar inspiração e criar algo nosso. Muito nosso. Foi o que fiz. Fica para outra altura a preparação à risca do trifle da Nigella que é feito com frutos vermelhos (os meus favoritos). Talvez para quando as amoras silvestres da Serra estiverem no ponto. ;-)

  

 

INGREDIENTES:

  • 1 pão-de-ló
  • 400 ml de natas (2 pacotes) ou de mascarpone (1 pacote)
  • 1 cálice de licor de castanha (pode utilizar outro de que goste)
  • Doce de ameixa e pêssego (com a fruta em pedaços)
  • 150 g de amêndoas laminadas

 

PREPARAÇÃO:

 

  1. Parta o pão-de-ló em pedaços ou em fatias e forre o fundo de uma taça de servir (de preferência em vidro transparente).
  2. Regue com um pouco de licor.
  3. Coloque uma camada de natas batidas ou de mascarpone.
  4. Coloque uma camada de doce.
  5. Volte a repetir esta sequência de camadas, finalizando com uma camada de natas.
  6. Torre as amêndoas laminadas num refractário anti-aderente.
  7. Cubra a superfície com as amêndoas na hora de servir.

 

Pode usar frutos vermelhos com os quais deverá fazer um doce com açúcar baunilhado. Basta juntar estes dois ingredientes e deixar ferver o suficiente para conseguir um doce com textura e depois juntar frutos vermelhos em cima da camada de doce.

 

Deliciei-me com esta sobremesa maravilhosa. É para repetir e inovar mais uma vez.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D